País registrou o número de mortes igual ao dia anterior. Em relação aos novos casos, porém, teve um recorde: foram mais 3.058 pessoas confirmadas com a doença 
brasil-tem-disparada-em-numero-de-casos-de-coronavirus-e-204-mortes-em-24-horas
O Brasil registrou nesta quarta-feira 204 novas mortes provocadas pelo novo coronavírus, número igual ao dia anterior. Em relação aos novos casos, porém, o País teve um recorde: foram mais 3.058 pessoas confirmadas com a covid-19.
Com isso, em todo o Brasil, são 28.320 casos confirmados e 1.736 mortes causadas pelo novo coronavírus. Até terça-feira, eram 25.263 casos e 1.532 vítimas fatais.
O Estado de São Paulo continua sendo o mais afetado, com 778 óbitos e 11.043 casos já confirmados da doença. Rio de Janeiro (3.743 casos e 265 mortes), Ceará (2.157 casos e 116 mortes), Amazonas (1.554 casos e 106 mortes) e Pernambuco (1.584 casos e 143 mortes) completam a lista dos cinco Estados com maiores números.
Nesta quarta-feira, antes do balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, o ministro Marcos Pontes, da Ciência e Tecnologia, informou que uma pesquisa de cientistas brasileiros apontou dois remédios conhecidos e já comercializados como eficientes contra o novo coronavírus. Análises em células infectadas mostraram que um desses medicamentos apresentou eficácia de 94%, é de baixo custo e de poucos efeitos colaterais. Como ainda faltam testes em pacientes, que é a próxima etapa do estudo, o nome da substância não foi divulgado, por questões de segurança.

A Gazeta