Mães menores de idade e pais solteiros deverão ser incluídos no auxílio emergencial do governo federal
Crédito da Foto: Pinterest

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, anunciou, nesta quinta-feira (7/5), que mães menores de idade e pais solteiros devem entrar para o grupo de brasileiros aptos a receber o auxílio emergencial de R$ 600. O benefício é pago a algumas categorias, durante a pandemia de coronavírus no país. 

De acordo com ele, a comissão mista do Congresso Nacional, destinada a acompanhar as medidas de enfrentamento ao novo coronavírus, emitiu parecer favorável à proposta.

Segundo Onyx, a expectativa é que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) sancione a medida "o mais rápido possível". A proposta foi aprovada sem vetos. O auxílio emergencial está previsto para acabar em junho, e ainda não há nenhuma definição sobre a possibilidade de prorrogar o benefício.

Fonte : aratuon