Em outra ocasião, o ator já havia revelado que tinha uma miocardiopatia hipertrófica congênita© Da Redação Em outra ocasião, o ator já havia revelado que tinha uma miocardiopatia hipertrófica congênita

Rafael Cardoso revelou na tarde desta quinta-feira, dia 3, que teve que ser submetido a uma cirurgia para implantar um desfibrilador cardíaco. Em outra ocasião, o ator já havia comentando que sofria há anos de uma miocardiopatia hipertrófica congênita, doença cardíaca que leva o músculo do coração a engrossar e dificulta o bombeamento de sangue. No entanto, no último mês, a condição evoluiu e o colocou no grupo de risco para morte súbita. 

Em sua conta no Instagramele explicou:

Amigos, passei hoje por uma cirurgia para implantar um desfibrilador cardíaco. Tenho uma miocardiopatia hipertrófica congênita, com a qual convivi até agora sem problemas. No último mês descobri que essa condição levou a uma fibrose no músculo cardíaco que me põe no grupo de risco de morte súbita. É isso que o desfibrilador evita.

Rafael também agradeceu a sua equipe médica e tranquilizou seus seguidores, dizendo que estava se sentindo bem:

Agradeço ao Dr. Fabrício Braga, que me diagnosticou, e ao cirurgião Dr. Eduardo Saad e equipe, que hoje implantaram o desfibrilador, e à equipe do Hospital Copa Star pelo cuidado e carinho. A cirurgia foi rápida, estou me sentindo muito bem e amanhã mesmo já volto para casa.

Que ele se recupere logo, né?






Fonte: MSN